TOP 5 | Autores e Escritores que me inspiram!

14 de julho de 2014
Hoje eu separei pra vocês uma lista e tanto, que deu muito trabalho pra fazer. Os Escritores e Autores que eu mais gosto e mais leio. Porém, não há muito clássicos da literatura Brasileira, pois eu não leio muitos nacionais. Mas prometo não decepcionar, tem muitos nomes interessantes na lista!


J.K. Rowling
 J.K. Rowling me conquistou pela sua grandiosidade em Harry Potter. Não pela popularidade, mas por uma criatividade imensa. A capacidade que ela teve de criar um mundo totalmente novo, com hábitos diferentes; culturas extraordinárias; animais fantásticos; feitiços inimagináveis; personagens bravos e cativantes com tanto detalhe, tanta especificidade. Uau!
Cada livro da série Harry Potter é uma viagem, uma descoberta mágica. Joanne fez história, mudou a literatura. Deu espaço para as fantasias, abriu as portas para vários escritores falarem sobre vários mundos diferentes e mitos sobre criaturas mágicas. Ela foi e é muito importante para o universo literário e uma grande inspiração pra mim. 
Confesso ter tido receio em ler seus livros após o final da série, por não saber o que ela escreveria e se haveria alguma mudança em sua maneira de escrever. Porém, pra mim, Joanne continua fantástica e gosto de poder lembrar dela não só como a autora da famosa série de bruxos, mas como uma escritora maravilhosa. Estou lendo meu primeiro livro dela após HP e estou adorando. A quantidade de detalhes, a precisão com a qual ela presa por cada passo da história e o desenvolve sem se contradizer é sensacional. A forma com a qual ela forma frases com palavras simples, ou as deixa exuberantes com o uso de apenas uma palavra diferente sem deixar a escrita cansativa ou difícil demais. É uma autora completa e perfeita, desejo muito sucesso em sua carreira e pretendo aprender um pouco seguindo seus passos.


Carlos Drummond de Andrade
 Carlos Drummond de Andrade - Como não falar de uma das personalidades que mais incentivou meu gosto por leitura? Afinal, todo mundo já deve ter lido na escola a famosa poesia "Quadrilha", certo? 
Houve uma época em que eu não me aventurava a ler livros "grossos" ou "grandes" e foi bem depois de eu abandonar os livros com ilustrações, então me apeguei em poesias. Nem sempre eu entendia as metáforas, ou as mensagens que o Poeta realmente queria transmitir por entre seus versos, mas quando a professora de Língua Portuguesa começou a explicar o que eram estrofes, versos, rimas e tudo o que "sustenta" uma poesia ou um poema, eu me interessei bastante e Carlos foi o Poeta com o qual eu criei uma relação fortíssima. 
Desde pequena me apeguei no romantismo, no sofrimento por dentro de suas poesias, na profundidade de cada sentimento e isso incentivou bastante meu gosto por livros, por passar o tempo lendo alguma coisa. E a "obrigação" de ler pra fazer alguma tarefa escolar ou responder alguma atividade passou a ter prazer pra mim. 
Seria uma longa lista citar todas as suas obras e também presente para os preguiçosos de plantão (que deveriam pesquisar), mas vou citar os nomes de algumas poesias preferidas de Drummond: Congresso Internacional do Medo; Poema de Sete Faces; Ausência; Definitivo e As sem-razões do amor. Pra quem não tem o costume de ler poesia, ou não conhece muito a obra dele vale MUITO a pena pesquisar!


Cassandra Clare
 Cassandra Clare - Eu não podia deixar a lista sem nenhum autor da atualidade. Cassandra é bastante conhecida para o público de livros Young Adults¹ e me conquistou muito por sua narrativa incrível. Embora ainda tenha muita carreira pela frente, eu acredito verdadeiramente em seu potencial e capacidade de se tornar uma autora grandiosa. 
Uma das coisas que me chama muita a atenção para sua narrativa é a forma como ela descreve cenas de ação e aventura, sendo ricas de detalhes explosivos e que fazem sentido. Que prende o leitor a cada página. Cassandra sabe muito bem envolver seus personagens em grande perigos e como dissolver os mesmos depois, com mistério e chave de ouro. 
Judith Rumelt através de seu pseudônimo "Cassandra Clare" já publicou duas séries de livros "Os Instrumentos Mortais" e "As Peças Infernais" e está trabalhando em uma próxima "Os Artifícios das Trevas" que deve ter seu primeiro volume "Dama da Meia Noite" lançado ainda em 2015. 
É claro que para uma lista de 5 autores e escritores que me inspiram, a maioria dos leitores esperam clássicos marcos da literatura tanto inter quanto nacional, porém, como ainda não tenho uma bagagem grande de clássicos na estante acredito que seja válido incluir na lista Autores que foram revelações pra mim nos últimos tempos e que eu sinceramente gostaria que conhecessem. 


Manuel Bandeira
 Manuel Bandeira - Ainda alimentando minha alma romântica e sensível de uma fome insaciável por poemas e poesias, Bandeira também impulsionou meu gosto por literatura ainda quando criança. Afinal, grande parte das escolas inserem (ou inseriam) poesia nos alunos desde cedo e elas ainda estão presentes em vestibulares, concursos e muitas provas importantes do país. 
Desde sua melancolia aos temas cotidianos, possuía um estilo simples e direto para tratar de qualquer assunto que fosse. Teve grande importância na poesia moderna além de também atuar como crítico e ser eleito como membro da Academia Brasileira de Letras. 
Quem de nós não conhece, afinal, a canção derivada do poema "O Anel de Vidro"? Que virou canção entre as rodas de crianças. Poema, que aliás, é muito bonito. 
Meus preferidos são: Desencanto; Chama e Fumo; Borda Espiritual; Tema e Variações e mais alguns.


Robert Kirkman
 Robert Kirkman - Não me agrada ter que ousar em falar de um autor do qual eu só li um livro, porém este é demasiadamente bom pra que eu arrisque. Não é também um autor clássico como eu creio que a maioria de vocês ainda esperavam, mas merece um reconhecimento maior. 
Para os fãs de The Walking Dead, Robert já é muito conhecido por escrever a história em quadrinhos da série, trabalhar como produtor executivo da mesma e escrever ao lado de Jay Bonansinga os livros da série. 
O que me chama a atenção é a capacidade de criar que Robert possui, que é fantástica. Desde esconderijos, golpes, fracassos, triunfos. Tudo! A espécie que ele descreve, a catástrofe que ele criou, o apocalipse que ele desenvolveu na série é de tirar o fôlego e eu, como fã, não podia deixar de elogiá-lo. 
Até pra quem já assistiu a série, viu algum episódio e não curtiu fica a dica dos livros: são muito bons e muito diferentes da adaptação para a TV. 


Outros autores que eu adoro: Lauren Kate, Colleen Houck, Jojo Moyes, Clarice Lispector, Markus Zusak, John Green (sim!) e por aí vai.


E vocês? Quais autores ou escritores me indicam?

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.