TOP 5 | Não desista do seu blog

17 de fevereiro de 2016
    Querida blogueira, ou blogueiro, você que já não é mais tão iniciante e que já recorreu a todas as  dicas possíveis nas redes sociais pra gerar um  melhor conteúdo; atrair mais leitores e até  mesmo  quebrou a  cabeça  pra  aprender a  lidar com alguns códigos  HTML, estratégias SEO e por aí vai. Este post é para você. Para você que já construiu a essência e a identidade do seu blog, mas que por incrível que pareça não consegue alcançar aqueles tantos objetivos que imaginava quando criou o seu cantinho. Este post é para você porque eu te entendo e passo pelas mesmas coisas, acredite.
     É normal, de vez em quando, nos sentirmos  para baixo e imaginar "Será que estou perdendo tempo?" e é este tipo de insegurança e mais uma montanha gigantesca de dúvidas que vai determinar onde é que você precisa melhorar e o que precisa ser mudado. Mas existem milhares de razões pelas quais vale a pena continuar investindo no seu blog, canal ou até mesmo na sua página. Hoje eu vim citar alguns destes motivos para você enxergar que não está no fim do túnel sozinho.

     Questione. Faça uma listinha com  todas as coisas que você gosta no seu blog, outra ao lado citando todas as coisas que você não gosta nele. Pergunte a si mesmo se o seu cantinho tem tudo a ver com você; se o nome e o conteúdo são a sua cara e se você está de fato feliz com o que você faz. Depois, só depois, leve em consideração a opinião de  amigos e colegas. Pergunte sem medo o que eles acham; o que mudariam e faça até mesmo uma pesquisa de público para eles responderem. Colete o máximo de informações possíveis e lembrem-se: O fato dos seus amigos e familiares não elogiarem o seu blog não significa que ele seja ruim, mas para que eles levem  isso a sério e deem credibilidade ao que você faz, você precisa levar o blog a sério  primeiro ok?

    Persista. Entenda que as coisas não são fáceis e que você não vai receber caixas e mais caixas de produtos ou livros para resenhas todos os dias na sua casa sem antes se esforçar muito para isso. Gerar conteúdo, divulgar bastante e continuar seguindo todas as estratégias que você  já aprendeu. Mas nunca se esqueça de que receber coisas ou não, não é o foco (vou falar  mais disso já já). Aprenda a encarar as  dificuldades e obstáculos de cabeça erguida, ao invés de desistir só porque não deu certo uma ou duas vezes. Nenhum blog começa bonito, perfeito e agradando a todos. Leva um tempo até você criar uma conexão com o leitor e entender o seu público alvo. Tente várias vezes, se encontre, persista.

   Faça por amor. Essa regra é básica pra vida também. Já dizia a minha avó e as professoras do primário que tudo o que fazemos com muito e paciência gera frutos lindos. Não meta os pés pelas mãos, não foque apenas em chegar lá, mas tenha uma ideia de por quê você merece estar lá. Afinal, não adianta ficar famosa nas redes sociais, ter milhares de seguidores e não conseguir se sentir contente com o seu conteúdo, certo? Ame o que você faz, sejam posts ou vídeos. Se dedique ao que você gosta e dentro disso busque inspirações, exercite sua criatividade. O diferencial de tudo é isso, o amor e a importância que você dá as coisas. Não pense apenas no que você pode obter em troca com o seu blog (este é um erro muito comum), pense no que você pode oferecer as pessoas. Isso é o que as deixarão com vontade de te conhecer e visitar cada vez mais.

   Não exija demais de você mesmo. É claro que você já leu várias vezes por aí que precisa se dedicar (até eu mesma quis dizer isso em alguns momentos) e nada mais é que a verdade. Ou melhor, uma parte da verdade. Existem momentos e dias em que você não se sente bem pra simplesmente escrever ou gravar qualquer coisa e quer saber? Está tudo bem. Não tem problema se essa semana você não fizer um post, ou fizer algo bem simples desde que quando ele acontecer, vier do seu coração e de uma inspiração verdadeira. Faz até bem se afastar por uns dias; viajar; curtir os amigos; ver aquele filme que você queria e realmente viver coisas sobre as quais você possa falar e opinar. Não vale a pena se fechar apenas dentro deste mundo e esquecer o que tem lá fora. Respeite seus bloqueios criativos pois eles são naturais, saiba contornar a  situação da melhor maneira possível e sem que se sinta "obrigada" a fazer algo.

   Tudo tem a sua hora. É natural que você se sinta desanimada, pensando que fala sozinha ou que ninguém leva a sério o que você diz. Algumas pessoas não vão mesmo, temos de lidar com isso. Também é chato não passar naquela seleção de parceiros que você tanto queria; não poder ir àquele evento de blogueiras da capital; não ter o dinheiro que as blogueiras famosas tem para poder comprar mil coisas e fazer posts sobre elas, acredite, tem dias que eu me sinto assim também. Mas se tem uma coisa que eu aprendi com o blog é ser persistente como disse lá encima. Nada cai do céu, gente, muito menos de um dia para o outro. Aos poucos, fui conquistando meu espaço e apesar de ele ainda ser muito pequeno eu sei que tenho o meu espaço. Um dia de cada vez, sempre tentando de novo até chegar a minha hora. Basta se focar no que você verdadeiramente quer, ter paciência e trabalhar por isso que tudo vai acontecer. Tudo pode acontecer, não deixem que te digam o contrário.  

38 comentários:

  1. Post ficou maravilhoso Tha! Muitas vezes já pensei em desistir, mas sei que se desistir de tudo vou sentir muita falta.
    Meu maior problema é exigir demais de mim mesma e ficar exausta. Várias vezes eu fiz post ou gravei vídeo por pura obrigação e não porque eu queria. Mas hoje eu não faço mais isso, porque meu blog/canal não são minha obrigação, são algo que eu amo fazer para me distrair.
    Beijos e parabéns pelo post! <3

    www.blogeaigabi.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabi, tem que continuar assim... Fazendo porque ama ok? Seu blog tá lindo!

      Excluir
  2. Nossa era tudo que precisava ouvir. Essa semana foi péssima pra mim estava bem desanimada e acho que estava forçando demais querendo criar posts novos mas sem animo e nem ideia do que fazer.Gosto muito do meu blog e não quero desistir dele porque já fiz isso antes mas esse post ajudou mesmo a pensar no caminho que eu quero tomar com o blog. Beijus Caah caahribs.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carol, que bom que minhas palavras serviram pra ajudar. Não desiste não viu?

      Excluir
  3. Olá, Thaísa. Tem que insistir e persistir até o final para conseguir chegar em algum lugar. Muitas vezes já pensei em desistir, mas continuo caminhando. Tem horas que desanima bastante mesmo, mas o segredo de tudo é não desistir e continuar seguindo com seu sonho em frente!

    Beijo,
    http://www.pactoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, o espírito é este mesmo, continue assim!

      Excluir
  4. Nossa que maravilhoso,gostei mesmo, confesso que ando meio chateada, como você disse lá encima o blog e o seu cantinho, sua identidade, e eu amo tudo que tem no meu, mas meu perfil e o romance, eu não me vejo lendo outra coisa no momento, e vejo muita gente reclamando por isso, me deixa tão mal sabia. Mas adorei, você falou grande parte do que está me incomodando no mundo dos blog, parabéns.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, se identificado e tirado alguma coisa disso. Tô aqui para o que precisar.

      Excluir
  5. Que post mais lindo! Gostei bastante das suas dicas. Sabe, comigo aconteceu exatamente isso. Eu tinha o "Entre Livros", blog literário, há 4 anos. Só que além dele eu tinha um de textos, onde só postava o que escrevia. Até que, um belo dia, já tendo feito um evento bacana de aniversário, deu aquele clique. Não um clique de "preciso fazer isso", mas de "não dá, é aquilo que eu quero e não isso". Custei a decidir o que queria de verdade, mas anotei o que pensava e concluí que só ficaria em paz fazendo o que eu precisava fazer. Já era hora de escrever e só escrever. Portanto, encerrei o literário e cá estou. Muita gente não entendeu, muitos devem criticar até hoje, mas é gratificante ver o quanto algumas pessoas me dão força por finalmente fazer o que sempre gostei. Ainda leio e resenho no Skoob, claro, mas acho que encontrei meu foco depois de muito pensar e questionar. Beijos e continue dando forças ao pessoal! O importante é a gente fazer o que gosta.

    Carolina Gama

    ResponderExcluir
  6. Persistência é certamente uma das palavras mais importantes. Vão ter momentos muito difíceis, decepcionantes, mas é necessário se perguntar o que é mais importante. É preciso muito amor e paciência para se dedicar à um blog, mas não podemos ignorar os bons momentos. Adorei teu post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, muito obrigado, que bom que gostou e se identificou.

      Excluir
  7. Oiii flor
    Você sabe o quanto eu amo suas dicas e o seu blog.
    E posso dizeer assim, já tive bastante vontade de desistir do blog, tem coisas que as vezes eu achava que não iria dar certo, sempre fui muito medrosa nas postagens, pois tem gente que não sabe comentar com respeito e isso me deixava chateada, por um comentário que tive no começo do ano. Não consegui postar e nem ler algum livro, tudo me afetava, foram palavras muito grossa, me afastei de tudo. E resolvi voltar com tudo pelo apoio das pessoas que estão ao meu lado.
    E ter um blog por amor, é o que mais queremos neste mundo, é dar o melhor de si <3
    Beijão linda

    ResponderExcluir
  8. Estou a 4 anos com o meu e ainda estamos perdurando na luta..... ♦_♦'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helinton, tem que procurar ver onde é que está o erro e ir em busca de concertá-lo.

      Excluir
  9. Thai, esse é o tipo de post que muitos de nós precisamos para persistir. E veio bem a calhar porque conversamos sobre isso há pouco tempo, não é?
    Vamos blogar sim, e blogar com amor! <3
    Parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rê, sim, falamos disso há poucos dias, acho que o assunto anda pairando na minha cabeça há algum tempo.

      Excluir
  10. Que post lindo. *--*
    Me lembro claramente dos meus primeiros momentos na blogosfera, em que eu me sentia realmente uma maluca falando sozinha, me desculpando pelos momentos longos que passava sem escrever e tal...

    Mas se eu tivesse desistido naquela altura, não estaria vendo agora o crescimento que o SL sofreu, é um alívio saber que eu enfrentei de cabeça erguida e agora estou colhendo os frutos. :D

    Meus parabéns pelo post e pelo blog. :D
    Beijos
    Te convido a me visitar, também! ♥
    • Sentido Literário •

    ResponderExcluir
  11. Que postagem linda!... Persistência e fazer por amor é o que nos move! Eu preciso muito, mas muito mesmo ler várias vezes a parte "não exija muito de si mesmo", antes do carnaval estava quase enlouquecendo com atrasos em leituras e postagens... Usar o feriado para ficar totalmente distante da internet foi a melhor coisa que fiz!... Gostei bastante do seu texto!.. Ficou divino! Parabéns! E sucesso!!
    Até + ver! Nu.
    As 1001 Nuccias | Curtiu?

    ResponderExcluir
  12. Oi, Thaísa!
    Conhecendo o seu blog agora e cai logo neste post, graças ao Twitter. Confesso que já pensei em desistir várias vezes do blog, mas sempre que estou prestes a desanimar, recebo um feedback bacana de algum leitor e/ou autor e isso me motiva a seguir em frente.
    Obrigado pelas dicas. É sempre bom relembrar!
    Blog do Ben Oliveira

    ResponderExcluir
  13. Oi Thaisa!
    Adorei o post!
    Apesar de nunca ter pensado em desistir e jogar tudo pro alto, já me questionei várias vezes o porquê de ter um blog, tentar e tentar e não conseguir a visibilidade que eu gostaria. Faço tudo por amor, não recebo nem um centavo (ao contrário, perco dinheiro rsrs),mas quando escrevo, sinto que sou eu mesma fazendo algo que amo. Por isso não desisto!
    Beijos
    Blog Relicário de Papel
    relicariodepapel.wordpress.com

    ResponderExcluir
  14. Olá, me diz ai quem nunca pensou em desistir...kkkk

    Adorei suas dicas e o incentivo! Sucesso sempre ;)

    Beijokas da Quel ¬¬
    Literaleitura

    ResponderExcluir
  15. Já pensei em desistir do blog várias vezes, mas depois do pensamento de desistir vinham os pensamentos que me faziam repensar e reflexionar o principal motivo que me fez criá-lo, bom sempre que eu pensava em desistir ficava me perguntando as mesmas coisas que você citou aqui no post.


    Frases, Trechos e Pensamentos

    ResponderExcluir
  16. Olá; achei muito bom o seu post. Muitas vezes eu penso em desistir do blog, mas aí eu espero uns dias e o amor que sinto por blogar fala mais alto e eu continuo.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Oie,

    Eu já mudei o nome do meu blog um vez e eu achei que me deu sorte, eu consegui me dedicar um pouquinho mais, eu sou daquelas que assisto um filme e já fico imaginando em quantas categorias de post ele pode entrar, sempre atrás de algo novo para postar, mesmo eu não tendo tanto tempo como tinha antigamente! Agora eu estudo a tarde toda, irei iniciar um Cursinho a noite e farei outro pela manhã, irá ficar tudo muito corrido, e eu irei ter que me organizar e fazer tudo com muito carinho! Amei o seu post <3

    Bjs
    Mayla

    ResponderExcluir
  18. Já passei da fase de tentar desistir do blog, até que relaxei, às vezes fico triste ou irritada com alguma coisa, mas depois passa, blogar é uma enorme alegria.

    ResponderExcluir
  19. Oi Tha!
    Primeiramente gostaria de te parabenizar pelo post, ficou muito bom, assim como todos!
    Concordo com tudo o que você disse aqui. Eu já pensei em desistir do meu blog há algum tempo, mas hoje em dia eu não consigo mais me ver abrindo mão dele, mesmo com todas as responsabilidades e falta de tempo. Eu me apeguei muito a ele e pretendo nunca abrir mão disto.

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Post maravilhoso!
    Comecei o Uma Leitora Voraz em 2013 e já pensei em desistir duas ou três vezes, por não estar mais sentindo tanto prazer em postar. Mas aí me lembro que criei o blog para dividir ideias sobre livros, mas não assinei nenhum contrato nem sou obrigada a nada. Hoje faço posts quando dá, e quando tenho vontade. Escrever com má vontade é pior que deixar o blog desatualizado, em minha opinião.
    Parabéns pelo post!
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Ótimas dicas! Nada acontece do dia para a noite, tem semana que não consigo produzir um conteúdo bacana ou chegar perto do computador, mas dias que chego a fazer quase três posts, comecei a três anos e uma série de vez pensei em desistir, mas peguei um apego pelo cantinho que criei que agora acho que não me desfaço dele por nada nesse mundo.

    http://umreinomuitodistante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oiiie
    muito legal o seu post, com certeza vai ajudar muita gente a ter mais iniciativa e persistência, as vezes pode ser bem difícil manter um blog, esse é o terceiro ano do meu e já passei por tantas coisas, espero ainda que venham muuuitos

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. a única coisa que anda me chateando ultimamente com relação ao meu blog são algumas pessoas que comentam sem ler... mas nao sou a unica que passa por isso, enfim... ~
    ah, e quando quero muito algum acessório e não tenho grana pra comprar TT_TT
    coisas relacionadas a livros, principalmente... mas vou blogando porque me sinto bem em escrever... se chegar o dia em que eu perder minha autenticidade nas postagens, eu desisto... curti as dicas [e até hj apanho com html hahahhaha]
    bjs

    ResponderExcluir
  24. Acho que pensar em desistir do blog é normal em algum momento da nossa vida. Acho que até nos questionamos sobre o assunto, regularidade de posts e tudo mais. Acho válido deixar o blog um pouco de lado para por as ideia no lugar e depois tomar a decisão correta.
    Bjus

    ResponderExcluir
  25. Hey,
    Adorei o seu post. Acho que quase todo mundo que mantém um blog já pensou em desistir alguma vez. Afinal, é algo trabalhoso e como você mesmo colocou exige uma certa dedicação, e se não tiver amor, se não fizer pela própria vontade mesmo, fica muito difícil. Acho que o seu post consegue levantar um pouco os ânimos sabe... Até porque as coisas nesse universo não acontecem mesmo de uma hora para a outra.
    Beijos,
    Dois Dedos de Prosa

    ResponderExcluir
  26. Nossa que incrível poder ler isso na blogosfera!! Acho que todos nós que decidimos ter um blog já pensamos em desistir alguma vez, mas nada como o tempo para nos mostrar que vale esperar e persistir. Além de tudo fazer tudo com muito amor é o que mais vale.
    Adorei conhecer esse blog lindo !
    Bjoo, Bia do Julieta ao Contrário > http://julietaaocontrarioo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Puxa é muito triste mesmo quando alguém quer desistir do seu blog por certas adversidades. Eu vejo os blogs como um cantinho sabe? Como o quarto de vocês que tem sua cara, seu jeito e as coisas que mais gosta.
    Acho que as dicas que deu são super válidas.
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  28. Esse post tá 10/10 <3 Estou cá me preparando para voltar com o PD,N! e fiz uma geralzona em cada post. Alguns doeu tanto olhar que fiquei com vontade até de deletar, mas preferi só corrigir alguns erros de ortografia (fiquei surpresa em como escrevi palavras do jeito errado sos) e mantive o conteúdo. É bom ver o progresso e como vou me aproximando daquilo que quero publicar. E eu vou chegar lá!!!!! Nós vamos!! <33

    ResponderExcluir
  29. Oi oi,

    amei o post! Não é fácil ter um blog e, às vezes, bate mesmo aquela vontade de largar tudo... Contudo, se é algo que você faz por amor, não tem porque não continuar! E, como você bem apontou, com dedicação, carinho e paciência, ter um blog vale muito a pena!

    Beijos!
    Participe do Sorteio de Estrela da Manhã, novo livro do André Vianco
    http://www.mademoisellelovesbooks.com/

    ResponderExcluir
  30. oi
    adorei seu post...nunca pensei em desistir
    gosto muito de partilhar minhas impressões no meu blog
    o retorno é excelente ;) adoro ser blogueira
    amei essas dicas !!
    bjs

    ResponderExcluir
  31. Oii, tudo bem?
    Adorei o post, várias vezes já pensei em desistir, quase todos os blogueiros em algum momento pensam. Mas acabamos pensando melhor e desistindo de desistir, rsrs.

    Beijos

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.