Resenha: Zumbeatles de Alan Goldsher

27 de abril de 2016


"A verdadeira invasão britânica chegou. Eles estão mais mortos-vivos do que nunca. Nessa divertida releitura da trajetória da mais famosa banda inglesa, acompanhamos os principais acontecimentos na vida desses mitos do século XX... porém com um pequeno detalhe: os músicos são zumbis. Não os lentos e imbecilizados zumbis aos quais estamos acostumados. Mas zumbis espertos, rápidos e cheios de sex appeal. Além de alguns truques de controle mental. Entre sangue, suor, guitarras e iê-iê-iê — e a perseguição do implacável caçador de zumbis Mick Jagger —, eles são atacados por uma ninja do oitavo nível, Yoko Ono, condecorados pela rainha e consolidam uma invasão mundial."
 Livro cedido em parceria com a editora Galera Record para resenha 

Título: ZumBeatles - Paul está morto-vivo | Autor: Alan Goldsher | Editora: Galera Record | ISBN: 9788501094445 | Páginas: 350

    Oie gente, tudo bem? Bom, escrever esta resenha foi extremamente difícil pra mim. Primeiro porque eu amo zumbis e eles são polêmicos; segundo porque Beatles é uma banda clássica e terceiro porque eu não gostei da combinação. Então, veja só, foi delicado né? Tive que escolher as palavras várias vezes e trocá-las para não passar a impressão errada pra vocês. Bora lá então, ver o que saiu.
    Lennon se infectou e, claro, infectou outras pessoas ao decorrer de sua "vida" e inclusive tenta contaminar e transformar as pessoas que viriam ser os integrantes de uma das maiores bandas que já existiu: os Beatles. Com isso o autor mistura fatos biográficos da banda, ou seja, a forma como ele narra os acontecimentos é baseada na história verídica.  Ele só acrescentou o fato de que todo mundo é fora do normal: zumbis, ninjas ou até mesmo caça-zumbis.
    O livro foi narrado em forma de entrevistas, uma espécie de documentário mesmo. E em primeira pessoa. Um cafa, fã dos Beatles, resolveu viajar o mundo pra descobrir detalhes da trajetória da banda que depois de muitos anos de carreira, começava a cair no esquecimento. E então ele inclui outros artistas na história junto com piadas sarcásticas e internas. Se o objetivo de Alan era ser engraçado, pelo menos isso ele conseguiu, pois o livro me fez dar várias risadas.
    Então qual o problema, Thai? Bom , pelo menos comigo o livro não fluiu da maneira esperada, pelo contrário, se arrastou por longas semanas (quase o mês todo) e eu tive de me forçar para terminar de ler. Primeiro porque eu não sou fã dos Beatles (gosto de algumas musicas, mas não conheço a banda de forma profunda) então muitas vezes o livro ficou confuso, chato e eu fiquei boiando. Segundo porque eu não tenho paciência para biografias e documentários, então a maneira como a história foi contada não me agradou. 
    Apesar das ressalvas, adorei as descrições do autor durante as cenas de transformações. Era bem nojento, admito, mas são zumbis e eles precisam ser nojentos. Se não forem, não tem graça. Ele soube explorar bem os morto-vivos e o universo da música, mas acho que a combinação dos dois não deu muito certo pra mim. Má digestão mesmo
    Recomendo o livro a quem queira dar risada despretensiosamente ou a quem seja muito fã da banda (muito mesmo!) e goste de zumbis também. Espero que possam se divertir e rir com o livro e tirem o proveito que eu não dei ok? 

34 comentários:

  1. oi ^^
    pow diferente de vc eu achei a transformação cheia de detalhe e muito nada haver sabe? foi nojento foi, mas completamente sem sentido.
    eu achei esse livro muito ruim e inclusive nem as risadas eu consegui dar. fiquei muito chateada, pois eu esperava muito do livro pelo fato de gostar de zumbis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alice, eu vi muita gente falar isso do livro, eu também esperava bem mais.

      Excluir
  2. Olá,

    Eu quase solicitei esse livro, mas o meu problema foi o mesmo que o seu: gosto das músicas da banda, mas não sei nada sobre a biografia deles e nem tenho muita paciência para isso também. O mais atrativo na obra, realmente, é só os zumbis e eu provavelmente só fiquei interessada por isso. Mas agora que você disse que a leitura não flui tão fácil fiquei bem desanimada e não sei, acho que não daria uma chance para esse livro agora não, mas quem sabe futuramente? E estou pensando no lado positivo do humor que você disse que o autor soube destacar. Desejo a você excelentes leituras.

    Abraços
    colecoes-literarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vivi, acho que quem vai gostar mesmo são os fãs da banda, ou não também né.

      Excluir
  3. Oi, eu já li várias resenhas sobre esse livro. Infelizmente não tenho interesse em lê-lo, ainda mais porque odeio histórias de zumbis e não sou fã da banda Beatles. De qualquer maneira, gosto dessa capa e é um presente ideal para quem curte o gênero e Os Beatles também.
    Boas leituras!!!
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fe, realmente, acho um ótimo livro pra dar de presente pra quem curte a banda.

      Excluir
  4. Não sou muito fã de zumbis não! Gosto muito dos Beatles, mas também nada muito profundo. Não acho que essa seria uma leitura legal para mim também :/ Mas vale a dica para quem é super fã da banda e de narrativas nosenses.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabi, acho que o autor fechou demais o público alvo.

      Excluir
  5. Oi, Thai!
    Poxa, quando abri o post eu tinha super expectativas porque adoro zumbis e Beatles mas quando li que você não gostou, fiquei super insegura!! fuen fuen fueeenn...hahaha

    beijos,
    Giulia | www.1livro1filme.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Giulia, acho que eu criei muitas expectativas também, se vc for ler sem esperar muito talvez até goste.

      Excluir
  6. Então vejamos, sinto que teria o mesmo problema que você... Eu gostava (ainda gosto, mas n ouço mais, surdez é um trequinho chato) de algumas músicas da banda, mas nunca fui aquela fã maluca deles. Eu gosto de zumbis, mas dos clássicos, muita gosma, muita morte. Acho que juntar os dois pode ser legal pra quem curte a banda. Eu acho q n curtiria tb... beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nuccia, isso é uma pena pro autor porque achou que ia arrasar com esse livro e: fuen, fuen fuennnnnn....

      Excluir
  7. Olá. Eu abandonei o livro. Não consegui achar ele engraçado e soou muito forçado.
    Tmb achei ele confuso e chato porque não conhecia muito bem a banda. O que restou da leitura de 100 páginas foi raiva do Lennon. Oh carinha chato e metido! Pelo menos no livro.
    bjs, bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sofia, nisso eu concordo com você, Lennon é extremamente chato e mesquinho no livro.

      Excluir
  8. Oi Thai!
    Acho que eu iria detestar esse livro, sério, não gosto dos Beatles e nem de zumbis.
    Fica tranquila, você conseguiu usar as palavras certas para descrever seus sentimentos sobre o livro, ótima resenha.

    Beijos
    ummundochamadolivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gu, então fica a dica pra você kkk não leia este livro. É bom às vezes levarmos esse tapa na cara de nos decepcionar com um livro, me faz pensar q eu deveria ler mais sinopses hahahahha

      Excluir
  9. Oie
    gostei muito da capa e achei o lançamento mega interessante ainda mais para fãs da banda, sei de amigos que vão pirar no livro hahaha bela resenha e até eu que não sou fã fiquei curiosa

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cath, espero que os seus amigos gostem kkkk

      Excluir
  10. Olá, achei a capa desse livro bem legal, os fãs da banda certamente irão adorar a leitura.

    Abraços

    ResponderExcluir
  11. Puxa achei que fosse no formato de historia. Como você, adoro zumbis e muitas vezes procuro livros até engraçados pra quebrar o clima de carnificina. E achei que esse livro fosse mmais divertido. Mas, sendo narrado como se fosse reportagem, não creio que tenha ficado legal
    Enfim, vou aguardar...
    Ni
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  12. Oi Thai, sua linda, tudo bem?
    Desde que saíram as primeiras resenhas desse livro, eu percebi que não sou o público alvo dele, mesmo gostando de zumbis e das músicas dos Beatles. Com as suas ressalvas, então, tenho certeza de que a leitura não iria me agradar. Gostei muito da sua sinceridade, sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cila, que bom que consegui ser sincera e te passar minha opinião clara kkkk obrigada pelo comentário flor

      Excluir
  13. Poxa, que pena que a combinação não te agradou. Pra ser honesta, também fiquei pé atrás, me pareceu uma mistura forçada. Eu gosto da banda, mas não a ponto de comprar um livro desses. Gostei, achei maduro de sua parte, ter dito no início que precisou selecionar bem as palavras para não passar uma má impressão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lilian, este livro foi quase tão complicado de ler quanto de resenhar kkkk mas ainda não desisti dos zumbis por completo. Gosto deles.

      Excluir
  14. Oi Thaisa, tudo bem?
    O livro tem um plot bem interessante, mas a forma como o autor desenvolveu... bem, essa não parece tão boa e acho que por isso não o leria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Italo, pelo menos a resenha serviu pra te guiar na opinião kkkk

      Excluir
  15. Olá!

    Acho que esse livro não ia dar certo pra mim também :/ dkjaskljdsa Achei muito estranha a proposta dele...

    Mas quem sabe né?! Não podemos dizer "nunca" para um livro dksjadla

    Beijos, Kamila
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  16. Hello! Tudo bem?
    Quase pedi o livro Zumbeatles para editora.
    Essa capa está muito legal e como sou fã dos Beatles, fiquei ate animada.
    Adorei saber mais do livro aqui e acho que por ser fã me arrependi de não ter solicitado, aiai.
    Uma pena que tenha se arrastado para vc. Talvez saber mais da banda possa ajudar a gostar mais.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suzzy, espero que você consiga ler futuramente e que goste. Acho que vai aproveitar bastante.

      Excluir
  17. Olá,
    Não sou muito chegada em histórias que contenham zumbis (mas tem gente lá no blog que curte sim). E ainda por cima não entendo quase nada sobre Beatles, então no momento o livro não é pra mim. Mas é uma ótima indicação para quem curte.

    http://euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Debyh, realmente, o publico alvo do livro é bem limitado :/ O que é muito chato né?

      Excluir

Tecnologia do Blogger.