O Duque e eu, Julia Quinn

3 de abril de 2017

"Simon Basset, o irresistível duque de Hastings, acaba de retornar a Londres depois de seis anos viajando pelo mundo. Rico, bonito e solteiro, ele é um prato cheio para as mães da alta sociedade, que só pensam em arrumar um bom partido para suas filhas. Simon, porém, tem o firme propósito de nunca se casar. Assim, para se livrar das garras dessas mulheres, precisa de um plano infalível. É quando entra em cena Daphne Bridgerton, a irmã mais nova de seu melhor amigo. Apesar de espirituosa e dona de uma personalidade marcante, todos os homens que se interessam por ela são velhos demais, pouco inteligentes ou destituídos de qualquer tipo de charme. E os que têm potencial para ser bons maridos só a veem como uma boa amiga. A ideia de Simon é fingir que a corteja. Dessa forma, de uma tacada só, ele conseguirá afastar as jovens obcecadas por um marido e atrairá vários pretendentes para Daphne. Afinal, se um duque está interessado nela, a jovem deve ter mais atrativos do que aparenta.
Mas, à medida que a farsa dos dois se desenrola, o sorriso malicioso e os olhos cheios de desejo de Simon tornam cada vez mais difícil para Daphne lembrar que tudo não passa de fingimento. Agora ela precisa fazer o impossível para não se apaixonar por esse conquistador inveterado que tem aversão a tudo o que ela mais quer na vida."
Título: O Duque e Eu | Autora: Julia Quinn | Editora: Arqueiro | Ano: 2013  | Páginas: 288 | Nota: 5 | Skoob

   Rendi-me às delicias dos romances de época, eu sempre gostei de romance, mas achava que não conseguiria me adequar à esta vertente, na qual os livros geralmente se passam na Londres Vitoriana. Um pré-conceito bobo, mas foi bem mais fácil me adaptar as costumes da época narrados em livros assim do que eu imaginava. Afinal romances, quando bem escritos, são avassaladores. 
   O Duque e Eu é o primeiro de oito volumes que constituem a série Os Bridgertons, oito também é o número de irmãos que levam o nome da família, portanto cada livro da série vai contar a história de um deles. Julia Quinn começa por Daphne, a mais velha das quatro filhas mulheres, seu sonho é se casar e ter uma família tão enorme quanto à de seus pais, com muitos filhos, pois ela acredita que não seria capaz de sobreviver em uma família pequena, uma vez que já está acostumada a ter sempre muita gente ao seu redor. O que não é o caso do Duque, que cresceu sozinho e pretende nunca se casar. 
   A proposta da autora é bastante convidativa, confesso que não costumo investir em séries ou sagas com mais de cinco livros, mas fiquei curiosa quando soube que cada livro trazia a história de um membro diferente da família. Dessa forma não estaremos sempre no mesmo enredo e a série não se torna repetitiva ou cansativa. Aliás, devo dizer que a escrita também é cativante, simples e direta, com diálogos bem trabalhados. A leitura fluiu tão rápido que eu li o livro todo em apenas algumas horas, sério!
    O desenvolvimento da história é bacana, o livro me fez rir; chorar; torcer pelos personagens e roer as unhas de ansiedade por cada página que eu passava. É muito envolvente, delicado e traz temas muito importantes também, como problemas de família; honra e traumas de infância. Apesar de ser um romance de época, algumas coisas são muito atuais também. Uma delícia de ler, quero devorar a série toda agora!


21 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Owmmm que saudades dessa serie. Eu amo os Bridgertons assim como a amo a escrita da Julia Quinn. Esse livro é um dos meus favoritos. Adoro a força da Daphne e a forma como o Simon tem que vencer a si mesmo para conquistar a mulher que ama. Sim nos rimos e choramos, não tem como não se apaixonar pelos romances de época depois de ler um livro da Julia Quinn.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bem colocado Faby, o desenvolvimento e a superação de Simon é bem emocionante.

      Excluir
  2. Pra falar a verdade nunca nem li a sinopse desse livro kk! Até olhei pra ele e disse: "olha, esse livro parece ser legal"... Mas nunca o peguei para ler! e não sei se pretendo! Talvez eu dê oportunidade!

    http://infinitoparticulardoslivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calebe,se você não se sente atraído não acho legal forçar, mas se um dia surgir a curiosidade, aproveite!

      Excluir
  3. Sempre que solicitei livros da Arqueiro recebi marcadores dessa autora e confesso que nunca tive vontade de ler, mas confesso que esses livros me chamam bastante atenção. Quem sabe um dia... Obrigado pela dica.

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcio, espero que um dia dê uma chance e que a aproveite bastante!

      Excluir
  4. O Duque e Eu é uma leitura que eu achei maravilhosa. Não é o meu livro favorito da série, mas é impossível não se apaixonar pelos personagens.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Debs, qual seu favorito? Fiquei curiosa agora!

      Excluir
  5. Olá,
    Cada vez mais fico propensa a ler essa série e as obras da Julia Quinn, assim como você muitos livros em uma série me cansam, mesmo sabendo ser cada um de uma pessoa, mas enfim...devo começar pelo primeiro em breve e vamos ver o que eu acho. Fiquei feliz em ver a quantidade de emoções que o enredo de trouxe, espero que faça o mesmo por mim, pois adoro quando isso acontece :)
    Beijos
    Oi Vanessa, tudo bem ?
    Exceto por Um Amor para Recordar, detesto todos os livros dele,ou melhor, todos que li. Tanto que fiz sorteios e ainda farei de diversos livros dele que tenho aqui.
    A expectativa sobre mesmo quando é de um autor que curtimos.
    Gostei da sua resenha, da sinceridade e da classificação que deu, muito justo.
    Beijos
    www.estilo-gisele.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flor, tá esperando o que? Se joga nos livros da Julia Quinn, mulher!

      Excluir
  6. Olá,

    Já li esse livro há um tempo e gostei muito da história. Infelizmente não dei prosseguimento na série, mas tenho muita vontade de fazer isso. Além do mais, esse romance é muito encantador.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vivi? Posso te chamar assim? Espero que consiga dar continuidade na série em breve, eu vou ler o próximo assim que eu puder!

      Excluir
  7. Sou louca pra ler essa série, mas são TANTOS LIVROS! Assim como você, apesar de não gostar de romances, gosto de histórias que se passam na Londres vitoriana. Vou tentar conseguir os livros ainda este ano.

    ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mia, espero que consiga e que goste tanto quanto eu <3

      Excluir
  8. Menina, faz anos que os livros da Julia estão na minha lista de leitura, mas acredita que não li nenhum até agora? :O Ainda não consegui acrescentar à minha enorme meta de leitura rsrs.
    Pois é sou feia. Ainda mais vendo ótimas indicações e comentários excelentes a respeito da escrita dela. Muito bom ver que achou a leitura bem fluída, envolvente e divertida.
    Obrigada por me lembrar que preciso investir nessa saga maravilhosa heheh
    Beijo!

    ResponderExcluir
  9. Olá Thaisa, eu morro de vontade de ler essa série, apesar de ser um tanto longa, pela sua resenha parece ser um enredo bem divertido e de leitura fluida <3 Dica anotada.

    Meu Mundo, Meu Estilo

    ResponderExcluir
  10. Já eu, infelizmente, não consegui me adequar aos romances de época, li vários, mas não gostei realmente. Espero que você devore toda a série e que seja uma leitura agradável.

    ResponderExcluir
  11. Oie
    muito legal sua resenha, eu não leio romances de época e nunca tentei mas ouço falar bastante da autora, porém, queri arriscar com outras que vejo livros mais legais

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi.

    Terminei esta semana a leitura de todos os livros da série e já comecei a ler os novos livros da Julia. Sou extremamente apaixonada pela escrita da autora, amo os romances dele, a forma como ela desenvolve os personagens. AMO!! Espero que você continue lendo os livros que goste também dos demais livros.

    ResponderExcluir
  13. Não sou fã de romances de época, mas sou fã de Julia Quinn... rs... ela é a exceção que eu abro para o gênero, acho a escrita maravilhosa e Os Bridgetons são encantadores. Esse livro também me fez ter os sentimentos e reações que você teve, mal vejo a hora de terminar a série.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.