720 Episódios depois, terminei de assistir Naruto

by - sexta-feira, maio 18, 2018


   Naruto, pra quem ainda não conhece (sério?), é uma série de Mangá escrita e ilustrada por Masashi Kishimoto e conta a história de Uzumaki Naruto um ninja orfão que sonha em ser Hokage um dia. O mangá, adaptado para anime, foi produzido pelo Studio Pierrot e Aniplex e dividido em duas partes, Naruto Clássico (220 episódios) que mostra a pré-adolescência de Naruto e seu desenvolvimento enquanto ninja, junto dos amigos, já Naruto Shippuden, a sequência original do anime conta com 500 episódios e terminou de ser exibido apenas no ano passado depois de 15 anos do anime. 

  Acredito que nunca compartilhei por aqui muita coisa da minha relação com Naruto, apenas citei algumas vezes em alguns posts, mas quem me segue lá no Instagram já deve ter percebido o quanto eu gosto do anime, por já ter desenhado vários personagens. Mas isso tudo começou há muitos anos quando eu nem mesmo sonhava em ter um blog. Comecei a assistir Naruto por acaso mesmo, passava sempre na TV no horário em que eu comia meu miojo depois de chegar da escola, via todos os dias e comecei a gostar e então descobri que alguns amigos da escola amavam e resolvi assistir desde o primeiro episódio quando um deles me emprestou um DVD. 

   Naruto foi a primeira coisa na vida que eu quis assistir desde o primeiro episódio, regularmente, mas achei que nunca ia terminar porque a quantidade de episódios já era enorme naquela época. Lembro de um amigo ter falado que eu iria me casar, ter filhos, e ainda não ia ter terminado de assistir. Hoje eu gostaria de poder dizer a ele que estava errado. Mas este não é o propósito aqui. 

   Depois de chegar na parte em que Naruto parte com Jiraiya para começar seu treinamento eu acabei parando de assistir por vários anos, por questões do dia-a-dia mesmo, não tinha mais aquele tempo livre. E só depois de começar a namorar o Mateus (que também é um grande fã do anime) voltei a assistir, ainda esporadicamente. Terminei o clássico ano passado, porque eu procrastinava demais pra assistir e porque a quantidade de filler é enorme e acaba desanimando um pouco. 

   Porém o Shippuden é extremamente empolgante (mesmo contendo ainda mais filler que o clássico) e depois que eu cheguei na Quarta Guerra Mundial Ninja foi impossível parar, quando eu notei já tinha terminado. Foram tantos sentimentos explodindo no final que eu me flagrei chorando, acreditam? Afinal eu comecei a assistir há muitos anos atrás e o anime fez parte da minha vida de uma maneira tão significante que no último episódio eu estava extremamente nostálgica e implorando por mais episódios, por um restinho de fan-service que fosse. 


   E como sobreviver depois de finalmente ter terminado este anime? Como dizer adeus depois de 720 episódios? Pode parecer um sentimento bobo, infantil, mas eu realmente vou sentir saudades e me sinto muito grata por todas as pequenas lições que eu aprendi com as histórias de todos os personagens e todos os valores que elas transmitem. O que me resta é assistir Boruto e todos os vários filmes da franquia pra poder acalmar esse meu coraçãozinho otaku.

   Mas afinal o que eu achei do anime? Bom, esta é uma pergunta para ser respondida em vários posts outro dia, quem sabe, hoje eu só quis por em palavras o quão nostálgica estou me sentindo. Se você aí já assistiu e também é fã do anime conte pra mim nos comentários, vou adorar conversar sobre com vocês. 

You May Also Like

0 comentários

Tecnologia do Blogger.